Nas Bancas

Cavaco Silva

Cavaco Silva

Getty Images

Presidente da República já transmitiu condolências e pesar às famílias das vítimas do acidente na Sertã

O acidente de autocarro ocorreu este domingo, por volta das 8h00.

Lusa
27 de janeiro de 2013, 17:49

O Presidente da República, Cavaco Silva, tem estado a acompanhar a situação do acidente do autocarro na Sertã e já transmitiu o seu "pesar e condolências" às famílias das vítimas, através da presidente da Câmara de Portalegre.
Fonte da Presidência disse à Lusa que o chefe de Estado "foi acompanhando a situação desde manhã e esteve sempre em contacto com a Proteção Civil".
Segundo a mesma fonte, Cavaco Silva pediu ao chefe da Casa Civil, Nunes Liberato, que entrasse em contacto com a presidente da Câmara de Portalegre, Adelaide Teixeira, "transmitindo as condolências e o pesar do Presidente da República às famílias".
Primeiro-ministro envia "abraço de grande solidariedade" às famílias enlutadas
O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, enviou hoje "um abraço de grande solidariedade" às famílias das vítimas do acidente de autocarro ocorrido hoje na Sertã, que provocou 11 mortos e 32 feridos.
Ministério da Saúde disponibiliza apoio psicológico às vítimas
O Ministério da Saúde disponibilizou hoje "todo o apoio psicológico e respetivo acompanhamento que as famílias das vítimas vierem a necessitar", na sequência do acidente ocorrido na Sertã.
Foram 11 os mortos resultantes do acidente de autocarro ocorrido hoje de manhã no IC8, na Sertã, segundo a Guarda Nacional Republicana (GNR).
Inicialmente, o balanço era de 10 mortos e 32 feridos, dos quais sete crianças, mas um ferido veio a falecer no Hospital da Universidade de Coimbra.
António José Seguro manifesta pesar pelas vítimas do acidente
O líder nacional do PS, António José Seguro, manifestou hoje o seu "pesar" pela morte de 11 pessoas num acidente de viação, ocorrido na manhã de hoje na Sertã, envolvendo um autocarro.
Em declarações aos jornalistas à entrada para a sessão de encerramento do XV Congresso Regional do PS, que terminou hoje na cidade da Horta, nos Açores, o dirigente socialista enviou também os "sentimentos" às famílias das vítimas.
"Segundo os relatos que me chegaram, há cerca de uma dezena de portugueses que morreram e há bastantes feridos, e eu quero expressar aqui o meu pesar e enviar os meus sentimentos às famílias dos portugueses que faleceram neste trágico acidente", disse António José Seguro.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras