Nas Bancas

Zine El Abidine Ben Ali

Zine El Abidine Ben Ali

Reuters

Ben Ali condenado a prisão perpétua

Por morte de manifestantes.

Lusa
19 de julho de 2012, 15:38

O ex-presidente tunisino Zine El Abidine Ben Ali foi hoje condenado à revelia a prisão perpétua por cumplicidade na morte de 43 manifestantes no norte do país, durante a revolta popular que pôs fim ao seu regime.
Ben Ali, que está exilado na Arábia Saudita, já tinha sido condenado a prisão perpétua em junho por cumplicidade na morte de manifestantes no sul do país.
A pena hoje anunciada insere-se no julgamento pelo tribunal militar de Tunes de um total de 43 antigos responsáveis, entre os quais o antigo chefe da segurança presidencial, general Ali Seriati, condenado a 20 anos de prisão, e dois ex-ministros do Interior, Rakif Belhaj Kassem, condenado a 15 anos, e Ahmed Friaa, ilibado.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras