Nas Bancas

Carolina Deslandes recorda dificuldades: 'Baixei os braços e cansei-me de lutar'

A passar por um momento de sucesso, a artista não esquece o que viveu para chegar até aqui.

CARAS
3 de março de 2018, 11:08

No dia em que recebeu o seu primeiro single de ouro graças ao tema "A Vida Toda", Carolina Deslandes fez uma reflexão sobre o seu percurso profissional. A cantora que ficou conhecida em 2010 ao participar no concurso televisivo da SIC "Ídolos" confessou que passou grandes dificuldades.

"Há 4 anos desisti de fazer canções. Baixei os braços e cansei-me de lutar, de criar, de fazer investimentos que nunca davam em nada. Tinha 30€ na conta, zero concertos marcados e o coração aos bocadinhos", começa por expor, revelando que começou a trabalhar como empregada de mesa. Contudo, a paixão pela música falou mais alto e Carolina acabou por aceitar o convite de Agir para gravar "Mountains", que se tornou um sucesso. Os dois voltaram a trabalhar juntos, sendo que Carolina considera este amigo fundamental para a vida pessoa e profissional. A artista começou a ver a vida a mudar e a transformar-se no que sempre tinha sonhado.

"Anos mais tarde, conheci o Diogo. Apaixonei-me no final do Verão depois de irmos jantar, e construímos uma familia. A familia dos meus sonhos, a vida dos meus sonhos. Depois de descobrir que estava grávida do Benjamim, deixei de ter concertos mais uma vez e voltei a parar. Ninguém queria trabalhar com uma recém mãe grávida. Ouvi muitas vezes dizer “A Carolina já não é artista, é mãe” como se uma coisa anulasse a outra", confessa, dizendo que foi o noivo que a incentivou a gravar, nessa altura, o tema que agora lhe foi reconhecido.

Grata por todas as oportunidades e pelas pessoas que a incentivaram a seguir os seus sonhos, Carolina revela ser uma mulher feliz. A artista incentiva os seus fãs a nunca desistirem de alcançar o que desejam com este texto partilhado nas redes sociais.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras