Nas Bancas

o.png

2017.05.17

Rui Veloso elogia Salvador Sobral

Conheço-o desde miúdo e quando o vi cantar Stevie Wonder fiquei pregado ao chão

Rui Veloso teceu largos elogios a Salvador Sobral na sua página oficial de Facebook. O músico confessa ter perdido o encanto pelo Festival da Eurovisão há muito tempo, mas reconhece que a vitória de Portugal foi mais que merecida. “Salvador ganhou. Só podia, na minha perspectiva. Mas era só a minha. O festival foi desde há muito, para mim, um depositário de chavões que incarnava o mau gosto e o oposto da música popular como forma de arte. E não me surpreendeu pela positiva. Do que vi nada mudou, excepto o Salvador. Conheço-o desde miúdo e quando o vi cantar Stevie Wonder fiquei pregado ao chão. Ainda tinha ele a idade do Little Stevie. Desde que o ouvi que achei, e quem me ouviu sabe, o miúdo o máximo. Na verdade, nunca pensei que a Luisinha se revelasse tal compositora. O que mais me surpreendeu, e que me parece que é até uma revolução, foi a votação maciça numa canção que sai dos cânones tradicionais da Eurovisão. Contrariando a política vigente há anos dos media, que sempre dizem que dão ao povo o que este quer, desconsiderando-o e diminuindo-o na sua inteligência. Esta vitória é também da civilização e prova que, acima de tudo, e contrariamente ao que nos querem impingir, o povo sabe bem distinguir o que é realmente bom. O que nos toca o coração ou não... Viva ao Salvador Sobral e à Luísa Sobral por nos mostrarem que no nosso coração ninguém manda”, escreveu.
Todos os pormenores da vitória de Salvador Sobral e a reação do cantor na CARAS desta semana. Já nas bancas.

Rui Veloso

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras